PlayList

PlayList

Bancários rejeitam proposta da Fenaban e retardam abertura de agências


Bancários rejeitam proposta da Fenaban e retardam abertura de agências

Membros do Sindicato dos Bancários da Paraíba, em uma assembleia geral extraordinária realizada no auditório da entidade, na Capital, nesta quarta-feira (8), decidiram rejeitar a proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) apresentada em rodada de negociação nessa terça-feira (7), que ofereceu reajuste baseado na reposição da inflação acumulada. Com isso, a categoria seguirá avaliando novas propostas e, por enquanto, a única ação em resposta será o retardamento da abertura de agências bancárias da Grande João Pessoa na próxima sexta-feira (10).

Segundo o presidente do Sindicato dos Bancários da Paraíba, Marcelo de Lima Alves, as agências que abrem às 10 horas abrirão apenas às 11 na sexta-feira. Ele não especificou se todas as unidades bancárias da Região Metropolitana de João Pessoa seguirão a determinação.

“A sexta-feira será o ‘Dia do basta’, um movimento nacional organizado por centrais sindicais e movimentos sociais. Em João Pessoa, faremos um ato público às 9 horas em frente ao Banco do Brasil da Praça 1817, no Centro. Chamamos de ‘Dia do basta’ porque basta de privatização, de corrupção, de ‘N’ questões que temos discutido e que estamos inseridos”, explicou Marcelo.

De acordo com o presidente, uma nova rodada de negociação nacional ocorrerá no dia 17 deste mês. O que for decidido nacionalmente determinará o posicionamento do sindicato local. Marcelo Alves revelou que ainda não está prevista uma possível greve, pelo menos até o fim do mês de agosto. “Iremos priorizar as negociações”, declarou.